Educação em tempos de coronavírus: a importância da continuidade dos estudos

Educação é a base de tudo e os professores, como aquela frase clichê bem diz, é a profissão que forma todas as profissões. Nesse momento conturbado que o mundo vive devido a pandemia do novo coronavírus, os professores precisaram se desdobrar para continuarem dando aulas e dar procedimento a educação de seus alunos.

Muitas instituições de ensino migraram para o ambiente virtual para tentarem minimizar os danos na educação dos estudantes. A educação muda o rumo das coisas e é através dela que vários cientistas, médicos (as), enfermeiros (as) estão na comissão de frente na luta contra o COVID-19.

A Colli Books acredita que a educação muda o mundo e por isso, está à disposição para ajudar os professores nesse momento. Sabemos que a interação dentro de sala de aula é mais do que essencial para a formação dos alunos, mas nesse momento, o ambiente virtual é a opção mais viável.

Além de se preocuparem com o planejamento das aulas, os professores passam a preocuparem também com a gravação ou caso a aula seja ao vivo, precisam escolher a melhor opção de plataforma.

Há ainda a com os alunos, se eles estão conseguindo pegar o material, se estão acompanhando as aulas e se o conteúdo está dinâmico, afinal, dar aula no ambiente virtual é diferente do ambiente presencial.

Não é um momento fácil para ninguém e os professores precisaram mudar totalmente a forma como dão aulas, por isso, preparamos algumas dicas que podem ajudar nesse momento. Confira:

1- Medite

Cuidar da saúde mental é crucial em todos os momentos, mas na situação mundial atual, é ainda mais necessário. A pandemia trouxe diversas mudanças, então antes de começar uma aula ao vivo ou uma gravação, tire no mínimo 10 minutos para respirar profundamente. Isso vai ajudar na concentração e irá acalmar o coração.

2- Planeje

Anote aquilo que pretende falar durante a aula. Se for ao vivo, algumas plataformas permitem que espelhe a tela do computador e por isso, montar apresentações no Power Point com o conteúdo é uma ótima opção. Ela também serve para caso a aula seja gravada, afinal, será um guia para você, professor seguir e também é um material que pode ser encaminhado para os alunos estudarem.

3- Seja objetivo

Como já mencionamos, ter aula presencialmente é de extrema importância na educação dos alunos, além do contato direto com o professor, há ainda a interação social. Muitas vezes o tempo passa rápido que nem se percebe.

Porém, no ambiente virtual isso é diferente, como não há o contato direto, é importante que as aulas sejam mais objetivas. O contato faz falta e para não ficar cansativo para ninguém, a objetividade é de grande ajuda e importância.

4- Fale sobre o coronavírus

Em um momento como esse, é importante manter a conversa com os alunos sobre o que está acontecendo. Então durante a aula, tire um tempinho para falar sobre a doença, leve dados sobre o número de pessoas recuperadas, fale sobre as medidas de prevenção. Isso pode ajudar tanto você, professor, como os seus alunos a lidarem com esse momento. Seja otimista!

 

E, professor, caso esteja precisando de dicas para gravar uma vídeo aula, a Colli Books preparou um guia com sete dicas. Elas vão desde de como gravar, até como editar e enviar para os alunos. Para conferir, basta clicar aqui. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *