Os pais devem ensinar a língua materna aos filhos

Conversar com os filhos na língua materna é muito importante para a manteneção do vernáculo, “origem de uma língua”.

A maior parte dos pais concordam sobre quão vantajoso é para os filhos falar mais de um idioma, especialmente no futuro quando estiverem em busca de emprego. Mas, não se trata apenas de uma questão de currículo.

Pais de nacionalidades diferentes, ou que moram fora de seu país de origem, têm a facilidade de ensinar vários idiomas as suas crianças, tornando-as bilíngues.

A professora da Aliança Francesa com formação em Ciências da Linguagem na França, Nina Roig, afirma que a formação pessoal e o desenvolvimento afetivo, dependem do conhecimento da língua de origem.

“Há casos de pessoas que não se importaram em ensinar seus filhos a língua materna, e as crianças não conseguem se comunicar com avós, primos, tios. Perdem as referências, os laços”, alerta ela.

Normalmente a criança acaba desenvolvendo melhor a língua falada no país onde vive, pois, a escola dá a base para o convívio social.

Mas, quem tem o privilégio de formar uma família poliglota, não deve perder a chance. Os pais são os primeiros professores das crianças. Quais os benefícios de utilizar a sua língua materna? Ela liga os seus filhos à sua família, e mantém vivas, tradições culturais importantes.

The Journal of Neuroscience publicou em 2013 uma tese que confirmava que a melhor fase para se aprender uma língua, é entre dois e quatro anos de idade. Nesta faixa etária, as ligações entre os neurônios se desenvolvem para processar novas palavras, e o cérebro está mais receptivo aos estímulos exteriores. 

Entre os 13 e 18 anos é tempo de socializar e as crianças bilíngues relutam em falar o idioma dos pais, em busca do vocabulário usual do meio onde vivem. Mesmo nessas horas, os pais devem insistir. 

Passada a rebeldia da fase, no futuro, ao se tornarem adultos fluentes em mais de uma língua, os filhos tendem a agradecer.

Uma pessoa que fala mais de uma língua fluentemente tem mais oportunidades de estudo, viagens e trabalho, em qualquer lugar do mundo.

Importante: ser bilíngue ajuda também as crianças a desenvolver competências de pensamento mais fortes e geralmente resultam em melhores notas académicas a longo prazo.

À medida que os genitores envelhecem, a comunicação irá tornar-se cada vez mais importante. Isto será mais fácil e mais divertido tanto para si, como para os seus filhos, se falarem a mesma língua.  

Todas estas coisas são parte importante da aprendizagem inicial dos seus filhos – e será mais fácil e mais divertido para si se o fizer na sua língua mais confortável.

Qual método devo usar para ensinar?

  • conte histórias e leia aos seus filhos na sua língua materna.
  • partilhe rimas, cânticos, canções e poemas que aprendeu na infância. 
  • procure atividades divertidas que acontecem na sua língua, como histórias na sua biblioteca local, festivais locais e eventos culturais.
  • procure livros bilíngues, livros sem palavras, ou livros na sua língua materna na biblioteca pública mais próxima.

Desenvolve atividades em duas línguas

Porque é que os meus filhos fazem confusão entre as duas línguas?

As crianças pequenas podem aprender duas ou mais línguas ao mesmo tempo. Elas assimilam conteúdos rapidamente quando têm muitas experiências com adultos que falam com elas e as ouvem.

Às vezes, os pequenos combinam palavras ou frases de ambas as línguas. Isso não tem problema! Pode parecer que estão confusas, mas estão, na verdade, a aprender as regras e vocabulário de ambas as línguas, organizando-os nos seus cérebros. É um sinal de boa aprendizagem e pensamento.

Talvez os seus filhos prefiram o idioma local porque é o que todos os seus amigos falam. Converse com eles filhos sobre o assunto.

Explique que aprender ambas as línguas, é importante.

Fale sobre as pessoas especiais nas suas vidas que falam a sua língua, incluindo parentes e amigos favoritos.

Explique que as pessoas que são bilíngues têm duas vezes mais probabilidades de fazer amigos e conhecer novas culturas.

Torne a sua língua materna divertida ao ler livros, cantando canções e utilizando-a para brincar com jogos; e utilize-a quando participar em qualquer tipo de atividade.

A sua língua é um dom e falá-la mantém a sua família interligada.

Deixe uma resposta